23/09/2019 às 13h09min - Atualizada em 26/09/2019 às 00h00min

Cidade de São Paulo ganhará Museu da Água em 2020

Iniciativa foi lançada pela AESabesp – Associação dos Engenheiros da Sabesp no dia 17 de setembro, durante o 30º Encontro Técnico/Fenasan 2019, no Expo Center Norte. Novo espaço cultural e socioambiental integrará circuito com o MAC e o Instituto Biológico. Edital para concurso que escolherá o projeto arquitetônico será divulgado no site da entidade, no dia 15 de outubro.

DINO
http://www.aesabesp.org.br/

A cidade de São Paulo vai ganhar o seu Museu da Água. O lançamento histórico para a maior metrópole da América do Sul foi feito durante o 30º Encontro Técnico/Fenasan 2019, no Expo Center Norte, dia 17 de setembro, no estande da AESabesp - Associação dos Engenheiros da Sabesp, realizadora do evento e entidade responsável pelo Museu. Na ocasião foi anunciado também o edital para o concurso que escolherá o projeto arquitetônico, que será publicado no site da AESabesp dia 15 de outubro (http://www.aesabesp.org.br/).

Com previsão para começar a ser construído em 2020, o Museu da Água paulistano é inspirado em diversos espaços dedicados ao tema, como o Water Museum da Unesco, que tem unidades em várias cidades do mundo, o Museu da Água de Indaiatuba/SP e o Museu do Saneamento de Curitiba/PR.

"A ideia é ser um espaço interativo, com exposições permanentes e temporárias, para que as pessoas visitem e voltem a visitar depois de algum tempo. Abordará temáticas como a água na natureza, água tratada e levada às residências, água de chuva e água de esgoto, entre outros. Um espaço de experiência para o conhecimento das diversas formas da água, seus usos, sua interação com a natureza e sua importância para a sociedade, cuidar do passado com um olhar no futuro, no circuito cultural de São Paulo. Queremos aproximar a sociedade dos temas de saneamento e meio ambiente e também torná-los mais acessíveis às escolas", explica a presidente da AESabesp, Viviana Borges.

Além de uma nova área de lazer e cultura na cidade, o Museu pretende estimular o interesse das pessoas pela história do saneamento, a criatividade e o envolvimento da sociedade para a preservação e uso racional da água. "Por meio desse espaço de convivência, podemos desenvolver a consciência sobre o valor da água e da natureza", frisa a presidente da entidade.

O Museu ocupará uma área de aproximadamente 2.400m², pertencente à Sabesp, e contará com uma praça de integração entre o MAC - Museu de Arte Contemporânea e o Instituto Biológico, somando-se ao circuito cultural de São Paulo. Concebido sob o conceito autossustentável, terá auditórios, que poderão ser alugados, e espaços comerciais, como café e loja. A Sabesp deve ser uma das empresas apoiadoras, mas a AESabesp busca outros parceiros para o empreendimento.

Sobre a AESabesp

A AESabesp (Associação dos Engenheiros da Sabesp) é uma entidade fundada em 15 de setembro de 1986 e nesses 32 anos de existência tem reunido profissionais da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) e do setor de saneamento ambiental, com atendimento voltado à sua excelência, por meio da promoção de incentivos (bolsas de estudos, cursos de especialização e capacitação e demais eventos culturais e sociais) e realização de grandes eventos de fomento à tecnologia, como seus tradicionais Congressos Técnicos e a Fenasan - considerada a maior realização técnica-mercadológica de América Latina.



Website: http://www.aesabesp.org.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disponível no Google Play
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale com o Jornal