08/11/2019 às 11h59min - Atualizada em 08/11/2019 às 11h59min

‘Era apenas eu e as baratas’, diz Jane Fonda sobre noite na prisão

Juliana Ribeiro
Bahia.ba
Foto: Reprodução/Twitter
Presa pela quarta vez o último dia 1º, todas por protestar contra as mudanças climáticas em Washington D.C. (EUA), a atriz Jane Fonda contou como foi passar a noite na prisão.  “Na minha cela, era apenas eu e as baratas”, contou ela, que atualmente tem 81 anos.

Em entrevista ao site The Hollywood Reporter, Fonda, que é uma das protagonistas de ‘Grance and Frankie’, da Netflix, contou que ficou presa por 20 horas.

Depois de sete horas sozinha em uma cela, foi transferida para outra unidade com quatro mulheres, e depois para outro bloco com mais seis mulheres. Para a atriz, que se considera uma privilegiada por ser “uma estrela de cinema branca”, o mais perturbador foi ver a situação das outras pessoas presas.

“Porque muitas pessoas estão lá por causa da pobreza, do racismo e de problemas de saúde mental. E isso me deixou muito triste”, desabafou.

Fonda também comparou o seu momento atual com situação semelhante que viveu nos anos 1970, quando iniciou o seu ativismo e foi presa pela primeira vez em Cleveland (EUA) por protestar contra a Guerra do Vietnã (1955-1975).

“Em 1970 todos os outros prisioneiros eram brancos. Sexta-feira passada, todos eram negros. É o novo Jim Crow”, disse ela em referência as leis de Jim Crow, que impunham segregação racial no sul dos Estados Unidos.

Para a atriz, atualmente “estamos diante de uma verdadeira catástrofe”. A ciência nos diz que temos 11 anos para fazer mudanças sistêmicas a fim de impedir que se torne incontrolável”, afirmou ao site.

Depois de protestar em oportunidades anteriores com outras celebridades, como Sam Waterston, Ted Danson, Catherine Keener e Rosanna Arquette, nessa sexta (8) ela deve voltar às ruas na companhia de Ben Cohen e Jerry Greenfield, os fundadores dos Sorvetes Ben & Jerry’s. 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disponível no Google Play
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Fale com o Jornal